1.png
  • Katarina Ferreira

CORONAVÍRUS - O QUE AS NOVAS MEDIDAS SIGNIFICAM NA HOLANDA

Atualizado: Jul 23

Última edição - 30 de Abril.

No dia 12 de Março (aniversário de casamento desse casal mara, parabéns pra nós!) O governo holandês divulgou as primeiras medidas de segurança para conter o CoronaVírus. Não durou muito, no Domingo dia 15 o governo veio com mais uma coletiva para mandar fechar restaurantes, escolas e crechês, e desde então as coisas vão mudando de figura de acordo com a situação mundial. Tá suça esse 2020 né? Mas não desanima! Aqui o que você precisa saber sobre o Corona na Holanda.


A história do Covid na Holanda




A Holanda relatou seu primeiro caso confirmado de coronavírus em 27 de fevereiro de 2020 em Tilburg, seguido por um caso em Diemen e em Delft., Desde então, os números aumentaram rapidamente. É esperado que os números continuem a subir nas próximas semanas, chegando ao auge no início de maio. Você pode acompanhar os números aqui.

Nota: O RIVM alerta que o número pode ser mal interpretado, porque nem todos ocorreram nas últimas 24 horas. "Às terças-feiras, o número de notificações sempre foi o mais alto da semana", explicaram. "Isso pode ser explicado pelo fato de que muitas das mortes e admissões são processadas e relatadas na sexta, sábado e domingo na segunda-feira."



Casos por região


A maioria dos casos holandeses na Holanda está na província de Noord-Brabant e Utrecht, este mapa mostra o número de pacientes hospitalizados por 100.000 habitantes, conforme relatado pelo GGD do Serviço Municipal de Saúde. Imagem: RIVM




Contato Social




O bom senso é sempre bem vindo nesse caso. Se você tiver resfriado, com tosse, dor de garganta ou febre, fique em casa. Evite o contato com outras pessoas, pelo menos 1 metro e meio de distância. O governo pediu para só chamar o seu médico se seus sintomas piorarem e fazer o teste.


  • Reuniões e eventos estão limitados até 1 de Setembro. Antes do dia 21 de Abril essa data era 1 de Junho. Nenhuma reunião de mais de 3 pessoas (que não sejam da mesma família) pode acontecer até 1 de Setembro.

  • É necessário manter distância de 1,5m em público (pessoas que não sejam da mesma família) sujeito a multas de €400 por pessoa do grupo.

  • Todos os bares, cafés, restaurantes, cafés e e estabelecimentos que precisem de contato direto, como salões de beleza, além de academias estão fechados na Holanda até pelo menos o dia 20 de Maio.

  • É permitido sair de casa para fazer compras (uma pessoa da família por vez dentro do estabelecimento) e pegar ar fresco sempre mantendo a distância de 1,5m.

  • As crianças que podem brincar no parquinho e poderão voltar a fazer atividades em grupo.

  • Esportes em grupo estão permitidos para crianças até 12 anos a partir do dia 28 de Abril.


Na Educação:


  • As universidades e faculdades foram solicitadas a dar aulas on-line, elas irão interromper todas as atividades presenciais no momento, incluindo os exames.

  • As escolas secundárias permanecem fechadas até pelo menos Junho.

  • Escolas primárias (crianças até 12 anos) e creches reabrirão a partir do dia 11 de Maio, com várias cautelas e com dias reduzidos. As atividades extras, como apresentações estão canceladas. E claro, crianças doentes precisam ficar em casa. Nesse site aqui você pode saber mais sobre as medidas de segurança.


Segundo o site da RIVM:

As crianças têm um pequeno papel na disseminação A pesquisa da RIVM nos relatórios mostra que a disseminação do COVID-19 ocorre principalmente entre pessoas da mesma idade. Isso é baseado em dados de pacientes com queixas. Diz respeito principalmente a pessoas entre 40 e 80 anos. É menos comum que adultos infectem crianças. Quando isso acontece, verifica-se principalmente na situação doméstica. Pacientes com menos de 20 anos têm um papel muito menor na disseminação do que adultos e idosos.

Pronunciamento histórico


Na segunda-feira dia 16 de Março o Primeiro Ministro Mark Rutte fez um pronuniamento ao vivo via televisão, rádio ou internet. Às 19h, o primeiro-ministro fez um discurso sobre a crise do Corona Vírus, um "discurso à nação". Parte da cultura política nos Estados Unidos, mas uma raridade absoluta na Holanda.


A última vez que o Primeiro Ministro Holandês entrou ao vivo em um pronunciamento do tipo foi em1973, devido a um boicote do petróleo aos países árabes, a Holanda entrou em uma enorme crise e o primeiro-ministro se dirigiu ao país. Depois de Den Uyl, um primeiro-ministro nunca mais falou com o povo por esse tipo de veiculação.


No discurso Rutte afirmou: "Não tenho uma mensagem fácil. O vírus corona está entre nós e permanecerá entre nós. Grande parte da população holandesa será infectada pelo vírus". E também disse que a Holanda está tomando todas as medidas necessárias para amenizar a crise na saúde e na economia também.



Prevenção e Higiene




O RIVM (Instituto de Saúde Pública Holandês) e a Organização Mundial da Saúde dizem que todos devem seguir as seguintes instruções para evitar o contagio e propagação do vírus:


  • Evite tocar seu rosto, olhos e boca com as mãos

  • Lave as mãos frequentemente com água e sabão ou álcool

  • Evite tocar em outros pessoas

  • Se for espirrar, espirre em um lenço ou cotovelo

  • Afaste-se a pelo menos um metro de pessoas que espirram ou tossem.


Além disso, segundo RIVM, as máscaras faciais APENAS devem ser usadas apenas por equipe médica ou quem estiver doente.


Galera foi a loucura...nas compras




Prateleiras vazias e filas enormes nos supermercados. A população foi a loucura na semana do primeiro pronunciamento dia 12 de Março, eu vi carrinhos abarrotados de enlatados, uns 60 rolas de papel higiênico, prateleiras vazias nas sessões de, arroz, macarrão, pão, farinha, carne...Uma histeria coletiva totalmente irracional e que não ajuda em nada na vida de todos. Uma ação coletiva onde você vê uma pessoa comprando tudo que vê pela frente e começa a se perguntar se também deveria fazer o mesmo: "E se eu precisar e não tiver para comprar?"".


O primeiro-ministro Mark Rutte pediu aos holandeses que parem de acumular. Isso não é apenas desnecessário, mas também afeta as pessoas psicológicamente, imagina você chega no mercado e vê tudo vazio, tudo passa pela sua cabeça, desde achar que as pessoas surtaram, até achar que o apocalipse zumbi está próximo. As redes de mercados garantiram também que não há motivo para acumulo e que não irá faltar alimentos ou o tão precioso papel higiênico.


Conclusão, depois da histeria coletiva, os mercados estão super abastecidos, o povo gastou um dinheirão a toa em estoque de papel higiênico e a vida de compras está normal, a única diferença é que agora a recomendação é ir apenas uma pessoa por familia no mercado e manter a medida de segurança dentro deles.


Agora um desabafo breve: Parece que as pessoas se esquecem da empatia e amor ao próximo que tanto propagam durante os "dias de glória", mas quando são colocados a prova mostram a verdadeira face egoísta e cruel. Isso sem falar na quantidade de pessoas que eu ouvi, antes do anúncio do governo, a frase: "Não se preocupa, essa doença só mata velho!". - Sério? Avós, pais, vizinhos... enfim triste de ouvir, era melhor ser surda.


Um pouco mais sobre os supermercados


De acordo com o site Het Parool, segundo a organização do setor de supermercados CBL, não há, portanto, motivo para acumular. “As prateleiras vazias que você vê aqui e ali são principalmente porque os consumidores compram muitos produtos, não porque há uma escassez deles. Existem estoques e itens suficientes para abastecer todos os supermercados. ”

Ainda de acordo com o jornal:

Existem sete princípios no varejo que permitem às lojas controlar o comportamento de compra do cliente. Uma delas é a escassez. Se você colocar muitos ovos de Páscoa nas prateleiras, as pessoas os levarão menos rapidamente. Se você limitar a oferta, os consumidores pensam rapidamente que estão acabando e têm maior probabilidade de comprar.

O mesmo princípio agora se aplica. “Todas as fotos nas mídias sociais ou online de prateleiras vazias fazem as pessoas pensarem que há escassez. Dá pânico, medo de ficar sem de sofrer. As pessoas pensam que há escassez devido a prateleiras vazias e estocam produtos de que realmente não precisam, porque temem que acabem sem que o vizinho tenha acesso a esses produtos.

Sobre viagens




Acho que não precisa nem dizer né? Mas em todo caso é melhor reforçar:


  • Não viaje para o exterior, a menos que seja absolutamente essencial. Viagens de férias não são consideradas essenciais

  • O espaço Schengen (do qual a Holanda faz parte) e o Reino Unido fecharam suas fronteiras externas a pessoas de fora da UE cuja jornada não é essencial. Esta proibição de viagem se aplica até 14 de maio, ao menos.

  • Todos os que voam para a Holanda de uma área de alto risco devem apresentar um formulário de triagem de saúde. Somente passageiros que tenham preenchido o formulário poderão embarcar. A lista de áreas de alto risco é mantida atualizada pela Autoridade de Segurança da Aviação da União Européia (EASA), com base nas informações mais recentes.

  • Todos os que chegam na Holanda de uma área de alto risco também são fortemente aconselhados a se auto-quarentena por 14 dias.

  • Ainda existe uma proibição de vôos das áreas afetadas para a parte do Caribe da Holanda (Bonaire, Santo Eustáquio e Saba).

  • Todos os viajantes que chegam na Holanda são informados das medidas e regras que se aplicam aqui.


Acalmem-se e lavem as mãos


Uma coisa sabemos, esse vírus veio como um cometa e está no mundo todo e o que podemos fazer agora é nos proteger e principamente proteger aos que estão em risco como idosos e pessoas com imunidade baixa. Sigam as recomendações, lavem muito as mãos, não façam para do apocalipse zumbi do supermercado, trabalhem em casa o máximo que puderem, e não fiquem socializando na rua como se o pais estivesse de férias! Isso é sério!



Fontes:

https://www.dutchnews.nl

https://www.telegraaf.nl

https://www.rtlnieuws.nl

https://www.parool.nl


Fontes oficiais:

https://www.rivm.nl

https://www.nederlandwereldwijd.nl







  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

2018 Vida Laranja. All rights reserved.© 2023 by Katarina.